Arquivo da categoria: Noticias do mundo

Professor e Estudante de Pernambuco são premiados na Antártica.


Professor e Estudante de Pernambuco são premiados na Antártica

O competente Alvaro Deangelles, profissional do Projovem Urbano desde 2010 na função de professor em Saloá e atualmente faz parte da Coordenação Estadual localizada em Recife, desde o ano passado tem recebido premiações de trabalhos desenvolvidos com estudantes em técnicas de stop motion e recentemente acabou de viajar (março de 2014) acompanhando o estudante da rede de ensino estadual regular da Escola Estadual Monsenhor João Marques – Valdemir José da Silva como finalistas na  produção do vídeo premiado dentro do programa denominado PROANTAR na Antártica (Programa Antártico Brasileiro organizado pela Marinha Brasileira sobre as atividades desenvolvidas por brasileiros na região da Antártida também conhecida como Antártica).

Professor e Estudante de Pernambuco são premiados na Antártica

Antes da dupla (Professor Alvaro e estudante Valdemir) embarcar na viagemProfessor e Estudante de Pernambuco são premiados na Antártica internacional compartilhando a felicidade com: Eduardo Campos (Governador de Pernambuco na época); Paulo Lins (Gestor da Gerência Regional de Educação do Agreste Meridional – GRE/AM); Maria Auxiliadora de Azevedo (Coordenadora Estadual do Projovem Urbano) e Elielda Duarte (Diretora Executiva do Projovem Urbano do Pólo Garanhuns), como pode ser visto pelas fotografias acima que foram enviadas pelo celular do professor.

Nesse momento de contagiante alegria, o estudante Valdemir foi entrevistado peloProfessor e Estudante de Pernambuco são premiados na Antártica radialista Luciano Andrade (Rádio Marano).

Ainda em Garanhuns, houve o apoio da Iza Calçados através do gerente Fernando que presenteou o estudante com sandálias da Coca-Cola e um belo par de tênis da marca Adidas para usar em sua viagem; assim como junto com o docente puderam escolher os kits de higiene pessoal para levar na Loja Kollinas.

O projeto “Brasil na Antártica” é um concurso cultural realizado pela Marinha do Brasil, por intermédio da Secretaria da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar (SECIRIM) tendo como público-alvo jovens alunos do ensino médio de todo o Brasil com o propósito de estimular, reconhecer, divulgar e premiar os estudantes que demonstrarem através de vídeos a importância da participação do Brasil no Continente Antártico com enfoque nos aspectos políticos, ambientais, econômicos e sociais do país.Professor e Estudante de Pernambuco são premiados na Antártica

A viagem partiu da capital pernambucana (Recife) para o Rio de Janeiro para fazer cursos de sobrevivência no frio, receber informes técnicos sobre a viagem e dois dias de passeios pelos pontos turísticos da cidade. Depois seguiram para Pelotas no Rio Grande do Sul. Continuando o roteiro, de Pelotas para Punta Arenas no Chile onde fica uma base de apoio para todos os países da América do Sul, seguindo em um avião da FAB para a base Chilena na Antártica e posteriormente de navio até chegar à base brasileira. A programação na antártica se restringiu em conhecimento do continente da base de pesquisa com troca de experiências com todos os pesquisadores no local, assim como também foram homenageados em uma cerimônia de premiação para os vencedores.

Anúncios

Um protesto interditou na manhã desta segunda-feira, dia 28, o quilômetro 61 da BR-423, no perímetro urbano de Lajedo.


Monte horebe supermercado, Paranatama

Um protesto interditou na manhã desta segunda-feira, dia 28, o quilômetro 61 da BR-423, no perímetro urbano de Lajedo.Um protesto interditou na manhã desta segunda-feira, dia 28, o quilômetro 61 da BR-423, no perímetro urbano de Lajedo. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) estimou cerca de 15km de congestionamento em cada sentido da rodovia.

Ainda de acordo com a PRF, cerca de 500 pessoas estiveram no lugar. Os moradores atearam fogo a pneus e solicitam lombadas físicas na estrada, segundo a Polícia. “Os manifestantes disseram que, após o asfalto ser colocado, as lombadas antigas foram retiradas. Eles pedem as lombadas de volta devido a acidentes no lugar”, informa o Policial Rodoviário Regiglecio Almeida.

Em nota, a assessoria de imprensa do Departamento Nacional de Infraestrutura deUm protesto interditou na manhã desta segunda-feira, dia 28, o quilômetro 61 da BR-423, no perímetro urbano de Lajedo. Transportes (DNIT) informou ao G1 que já enviou para empresa contratada a relação dos trechos que devem ter as lombadas físicas reinstaladas. A previsão é de que o serviço seja concluído em até dois meses.

NOVO PROTESTO – Outro protesto congestiona aproximadamente 25km de cada sentido da BR-423 em Lajedo, segundo estimativa da Polícia Rodoviária Federal (PRF). O bloqueio no quilômetro 61 já foi liberado, porém, cerca de 200 dos 500 manifestantes interditam o quilômetro 60, também ateando fogo a pneus. Equipes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar estão no local. (Com informações do G1 Caruaru e Fotos: Danilo César/ TV Asa Branca)

Celulares, tablets e diversos aparelhos piratas serão bloqueados pela anatel.


4798915191417126-t640

Na próxima segunda-feira, dia 17 de março, começa a operar o Sistema Integrado de Gestão de Aparelhos (Siga), ferramenta desenvolvido para atender às normas Agência Nacional de Telecomunicações que visam bloquear aparelhos eletrônicos piratas ou que não sejam homologados pela Anatel.

Contudo, os gadgets que não atendem às exigências do órgão não serão desativados já na semana que vem. De acordo com a instituição, até setembro deste ano, o Siga tem como objetivo criar um banco de dados sobre os dispositivos em uso no país. Somente após esse período os equipamentos ilegais e sem certificação começarão a ser bloqueados.

O Sistema Integrado de Gestão de Aparelhos pretende desativar esses produtos genéricos ou não aferidos visando combater o contrabando, garantir a segurança dos usuários (já que gadgets de má qualidade podem liberar radiação e até explodir) e evitar que as redes sofram com ruídos originados por esses aparelhos incompatíveis com a infraestrutura que o país possui.

Operadoras aprovam

4798915191417846-t640

Ele foi apresentado em 2012 e está sendo desenvolvido desde o ano passado. Os custos totais do projeto giram em torno de R$ 10 milhões, os quais foram custeados pelas operadoras Vivo, Claro, TIM e Oi. É válido mencionar que todo e qualquer eletrônico que use um chip e acesse a rede de dados móveis de uma dessas empresas poderá ser bloqueado. Assim, mais do que smartphones, tablets e até máquinas de cartão de débito e crédito podem ser desativados.

Além disso, é importante reforçar que não são somente modelos piratas que serão afetados pelo Siga. Equipamentos originais que tenham sido importados ou adquiridos no exterior e que não tenham os devidos certificados da Anatel também podem ter seu funcionamento alterado. No site desse órgão regulador é possível consultar quais são os modelos homologados e habilitados a funcionar no Brasil. Clique aqui para acessar essa ferramenta.

Aos poucos…

Roberto Pinto Martins, superintendente de Controle de Obrigações da Agência Nacional de Telecomunicações, esclarece como o sistema entrará em ação e como as pessoas serão orientadas. “Provavelmente teremos uma campanha, mensagens com avisos. Ninguém vai ter o aparelho desabilitado de um dia para o outro”, afirma ele.

A princípio, o Siga deve somente impedir a ativação de novos aparelhos irregulares no mercado de telefonia. Se um chip já existente for adicionado a um equipamento não homologado, o bloqueio acontece na hora. A desativação dos dispositivos já ativos ainda não foi confirmada.

“A tendência é que esses aparelhos não certificados, que estão em operação, desapareçam com o tempo. Eles terão que ser substituídos eventualmente e, quando a pessoa fizer isso, não vai mais poder dar entrada na rede com celular irregular”, comentou Martins. Contudo, o superintendente pede para que os consumidores fiquem atentos. “As pessoas têm que tomar cuidado para não fazer investimento em um telefone que pode depois não funcionar”.

Fonte: Anatel.

%d blogueiros gostam disto: